SiG Portal
 
ISO 9000
Publicado em: 07/04/2015
 
E agora? Capacitar na ISO 9001-2008 ou na versão 2015?
 

O sistema empresarial  e suas equipes precisam se qualificar na ISO 9001 e não sabem em qual versão vale a pena investir nos estudos? Pois é… essa é uma pergunta que muitos interessados em compreender os requisitos da norma estão fazendo neste momento.
As diretivas da ISO estabelecem que suas normas devem passar por um processo chamado systematic review no mínimo a cada 5 anos, isto é, as normas devem discutidas e revisadas dentro de períodos pré-estabelecidos.
O Comitê Internacional ISO/TC 176 é o responsável pela revisão da norma internacional de sistemas de gestão da qualidade ISO 9001, a norma mais aplicada entre todas as
iso qualidadenormas de gestão da ISO. Estima-se que atualmente mais de 1,2 milhões de organizações utilizam a ISO 9001 como modelo de gestão.

O Brasil, por meio da ABNT/CB-25 contribuiu para revisão da norma com grupos regionais e setoriais que participaram com mais de 200 comentários e sugestões. O nosso país foi um dos que mais se destacam na participação do processo de revisão da norma e se encontra entre os 10 países com maior número de organizações certificadas do mundo.

A previsão para publicação oficial da ISO 9001:2015 é para setembro deste ano. Porém, como será preciso um tempo para a ABNT traduzir a norma e, então, publicar a NBR ISO 9001:2015, espera-se que até dezembro a norma em português já estará disponível para venda na ABNT. Apesar da norma ser publicada em 2015, as organizações terão 3 anos para se adequarem aos novos requisitos e, então, solicitar a auditoria de certificação ou transição para a norma versão 2015.
Hoje, aqueles que têm interesse ou necessidade em interpretar e aplicar os requisitos da ISO 9001, estão passando por um grande dilema: vale a pena concentrar a atenção em qual versão da norma?
Nesses últimos meses, muitos me fizeram essa pergunta. Então, irei compartilhar as minhas sugestões:
Apesar de haver mudanças significativas na estrutura da nova versão, a essência e os objetivos continuam os mesmos, que são: padronização, abordagem por processos, foco no cliente e melhoria contínua. Portanto, não vejo problema em investir em um treinamento de curta duração sobre a interpretação da ISO 9001:2008 nesse momento.

Se tem o interesse em qualificar através de treinamento avançado (média ou longa duração), aconselho aguardar a publicação da versão 2015.Ashampoo_Snap_2015.03.30_16h30m49s_010_
Enquanto a norma não é publicada oficialmente, para antecipar às mudanças, é importante estar por dentro das novidades. Portanto, segue outras dicas:
• participação em eventos e palestras que tratam de assuntos do gênero;
• leitura de livros publicados por especialistas – antes de comprar verifique a editora o currículo do autor;
• acompanhamento de notícias e artigos em sites e blogs especializados (ex: Total Qualidade, Qualiblog);
• leitura de revistas especializadas (ex: Banas, Quality Progress);
• participação em grupos de discussão de e-mails (ex: google groups, yahoo grupos) e redes sociais (ex: Facebook, Linkedin, Whatsapp). Porém, deve-se ter cuidado, pois há muitos aventureiros e palpiteiros nesses grupos.

Como incremento na qualificação, procure também se dedicar a assuntos correlacionados a ISO 9001, tais como: outras normas de gestão que podem ser integradas (ex: ISO 14001, OHSAS 18001 / ISO 45001, ISO 31000), programas de qualidade (5S, CCQ, CEP, MASP, 6 Sigma) e ferramentas gerenciais (Balanced Scorecard, Planejamento Estratégico, Modelo de Excelência da Gestão – PNQ).
Bons estudos!

 

Ashampoo_Snap_2015.03.30_10h05m54s_002_      Ricardo Apolinário

      Consultor, Auditor e Instrutor em Sistemas de Gestão da Qualidade – ISO 9001

      https://www.facebook.com/ricardo.apolinario.5623